Informe-se

Dúvidas frequentes

O que é PrEP?

É uma sigla que vem do inglês, que significa Profilaxia Pré-Exposição. A PrEP é a utilização de um medicamento para evitar que uma pessoa que não tem o HIV adquira a infecção quando se expõe ao vírus.

Qual medicamento é utilizado como PrEP? Ele existe no Brasil?

Até o presente, o medicamento que se mostrou mais eficaz na prevenção é o que combina dois antirretrovirais (tenofovir e emtricitabina) em um único comprimido, o Truvada. Hoje sabemos que, se a pessoa tomar o Truvada todos os dias, a proteção contra o HIV chega próximo de 100%. Contudo, o Truvada ainda não existe no Brasil.

O Truvada® é seguro também para as pessoas que não são portadoras do HIV? Vale a pena a pessoa usar um medicamento para se proteger?

Sim, ele é seguro. Várias pesquisas comprovaram que o Truvada é seguro para pessoas negativas para o HIV. Os efeitos colaterais são leves e transitórios. Isso foi verificado no principal estudo de prevenção para a população de homens gays e travestis (iPrEX), realizado em diversos países do mundo, inclusive no Brasil (INI/Fiocruz e USP). A segurança verificada foi uma condição para que o uso como prevenção fosse autorizado pelo FDA, órgão americano que se assemelha a nossa ANVISA.

Se eu estiver em uso de Truvada® para PrEP não precisarei mais utilizar camisinha?

Esse é um ponto muito importante a ser esclarecido. Na prevenção precisamos combinar métodos. É a combinação de métodos que permite alcançar o maior nível de proteção. O Truvada deve ser utilizado adicionalmente ao uso do preservativo. É uma proteção adicional. O Truvada, por exemplo, ao contrário da camisinha, não protege de outras infecções transmitidas pelo sexo, como a gonorreia e as hepatites, para citar apenas alguns exemplos. Por isso, o Truvada não deve ser usado como um substituto do preservativo e, sim, como um método adicional de prevenção do HIV para aquelas pessoas que apresentam um risco aumentado de adquirir a infecção.

PrEP previne outras doenças sexualmente transmissíveis (DSTs)?

O uso de truvada como PrEP não previne outras DSTs como sífilis, gonorreia e clamídia. Por isso é importante usar camisinha mesmo em uso de PrEP.